Você faz o monitoramento de rede com frequência no ambiente de TI da sua empresa? Ainda que utilize equipamentos sofisticados, eles não estão imunes a falhas, por isso é importante monitorá-los a fim de não causar interrupções nos serviços contratados pelos usuários.

Além disso, essa rotina contribui para maior segurança dos dados. Sem ela, as redes ficam mais vulneráveis a ataques e roubo de informações confidenciais.

Devido à sua importância no departamento de TI, neste artigo, vamos explicar o que é o monitoramento de rede e o que pode acontecer caso você não o adote na sua empresa. Acompanhe a leitura para saber mais!

O que é o monitoramento de rede?

O monitoramento de rede é a atividade responsável por monitorar durante 24h os recursos relacionados às redes de computadores, possibilitando detectar falhas na performance e na disponibilidade.

Para que isso possa ser colocado em prática, é implementada uma abordagem metódica com o objetivo de identificar ocorrências que afetam as redes, entre elas, problemas no hardware ou interrupção na conexão com o provedor de internet.

Geralmente, utiliza-se uma ferramenta de monitoramento de rede, como um software especializado, que ajuda a prever incidentes.

Com o monitoramento, as redes conseguem entregar a qualidade ideal dos serviços, permitindo uma boa performance não apenas para as equipes como também para os clientes.

Por que fazer o monitoramento de rede?

O monitoramento eficiente da rede precisa ser uma das prioridades da sua empresa. Caso contrário, podem acontecer diversos problemas. A seguir, veja alguns deles.

Dificuldade para detectar falhas

Se a sua empresa não estiver adepta ao monitoramento de rede, os colaboradores não serão informados, por meio de alertas, quando ocorrer alguma falha. Isso pode tornar um pequeno problema em um grande incidente.

Com o correto monitoramento, a equipe de TI consegue descobrir falhas rapidamente por meio da dashboard do software que faz o monitoramento, e-mails pré-programados, notificações visuais, entre outros.

Independentemente da hora, é possível que o colaborador consiga solucionar a falha de forma remota, agilizando, assim, a solução do problema.

Lentidão nas correções

Quem não monitora as redes também demora para definir a correção para as falhas. Isso porque, com o monitoramento, é possível descobrir rapidamente qual é o dispositivo que está apresentando o problema. Ou seja, não é preciso perder tempo tentando identificar o ativo que está com um dano.

Caso contrário, você precisaria analisar cada recurso a fim de descobrir qual deles está com problema. Imagine quanto tempo precisaria investir nisso, sendo que um monitoramento eficiente faria isso rapidamente por você.

Desconhecimento sobre a necessidade de manutenção e reparos

Uma das maiores vantagens do monitoramento de rede é possibilitar que os recursos façam manutenções constantes, a fim de estender o tempo de vida útil deles.

Sem esse cuidado, é possível que você não consiga identificar quando é necessário fazer substituições e reparos, o que pode prejudicar a execução de tarefas importantes no departamento de TI.

Assim, a sua rede não precisa operar no limite durante um longo tempo, possibilitando que sejam feitos novos investimentos com o objetivo de aprimorar a qualidade dos serviços.

Ausência da coleta de dados

Sem o monitoramento de rede, como você pode coletar dados estratégicos para a tomada de decisões na sua empresa?

Com um software de monitoramento, você consegue reunir informações importantes sobre a rede e isso pode ajudar a tomar decisões no departamento de TI, ou seja, definir a otimização de recursos ou adquirir novos equipamentos. Dessa forma, é possível fazer investimentos certeiros.

Muitas organizações tomam decisões equivocadas justamente por não terem uma base de dados que as oriente nesse sentido. Assim, correm o risco de perder dinheiro com compras desnecessárias ou clientes (o que também resulta na perda de dinheiro).

Dificuldade na compreensão da informação

Sabemos que a linguagem técnica da equipe de TI pode dificultar o entendimento de processos e eventos que acontecem nesse departamento, não é mesmo?

Ao fazer o monitoramento de rede com um software especializado, os colaboradores dessa área conseguem transmitir as informações para a gestão da empresa de uma forma mais clara.

Isso acontece porque os programas traduzem os dados com aspectos visuais, como relatórios e gráficos, facilitando a compreensão da situação.

Assim, monitorar a rede permite que os gestores possam visualizar os desempenhos dos sistemas e entender as falhas, auxiliando-os na tomada de decisões.

Impossibilidade de identificar tendências

Se o seu departamento de TI não faz o monitoramento de rede, ele não tem como identificar tendências. Ou seja, torna-se difícil verificar tráfegos de origens duvidosas ou ações que podem comprometer diretamente a segurança da informação.

Vale destacar que o monitoramento consegue fornecer uma avaliação crítica que ajuda a identificar ameaças que poderiam passar despercebidas.

Ao fazer esse cuidado, é possível fazer o acompanhamento dos registros e, com eles, criar um guia para descobrir tendências relacionadas ao desempenho das redes.

Ausência de garantia da disponibilidade e da performance

Você com certeza deseja que a sua rede esteja com alta disponibilidade, mas, para isso, é importante que os componentes de TI sejam todos constantemente monitorados.

Com o monitoramento, você consegue aliar os recursos da aplicação, infraestrutura e serviços para ter uma visão completa de TI, reduzindo, assim, os tempos de indisponibilidade.

Logo, para manter o seu negócio funcionando, o monitoramento é o que possibilita o aumento da disponibilidade da rede.

Além da alta disponibilidade, outro ponto importante é a alta performance. Isso porque não adianta ter disponibilidade sem uma performance que possibilite a utilização fluida do usuário.

Nesse sentido, o monitoramento consegue mostrar os níveis críticos dos recursos que podem estar afetando a performance. Assim os colaboradores podem trabalhar rapidamente em cima do problema e fazer as correções necessárias.

Dessa forma, o monitoramento de rede é um cuidado fundamental para o ambiente de TI. Sem ele, todo o seu negócio é colocado em risco. Por isso, é necessário adotá-lo na sua empresa o quanto antes.

Ainda tem dúvidas se você deve investir em monitoramento de rede e como escolher o software que será seu aliado nessa missão? Estamos oferecendo um teste gratuito no Hosts Green, o primeiro software brasileiro em SaaS que monitora seus aplicativos web, servidores, URL's e links com IP's dinâmicos ou fixos. Clique aqui e conheça.

Monitore Grátis