Dados para status page: o que compartilhar em sua página?
Gestão Servidor

Dados para status page: o que compartilhar em sua página?

Abraão Almeida
Abraão Almeida

Para manter uma relação de transparência e confiança com os clientes, é fundamental saber quais são os dados para status page que precisam ser compartilhados. Dessa forma, os usuários ficam cientes sobre manutenções programadas, incidentes e tempos de inatividade.

Neste artigo, vamos explicar o que é e para que serve o status page, o que precisa ser compartilhado nessa página e por que investir nela. Acompanhe a leitura!

O que é e para que serve o status page?

O status page é uma ferramenta na qual a sua empresa disponibiliza informações sobre o histórico de problemas, além de possíveis dificuldades que os usuários estão enfrentando.

Dessa forma, os clientes conseguem ver os dados sobre manutenções programadas, incidentes e tempos de inatividade sem que precisem entrar em contato com o suporte para saber o andamento dessas questões.

Então, você pode criar páginas públicas — em que os usuários podem acessar o histórico de problemas, cronogramas de serviços e tempos de atividades — e páginas privadas — que são acessadas apenas pela equipe interna.

Ao utilizar o status page de forma estratégica, a sua empresa passa a contar com várias vantagens, como o aumento da confiança por partes dos usuários, já que a relação se torna mais transparente. E isso, é claro, também ajuda no ganho da credibilidade.

Outro benefício para a empresa é a redução de consultas no suporte ao cliente, porque os usuários podem ver o andamento das resoluções pelo status page e só vão acionar a equipe interna caso ainda estejam com alguma dúvida.

Além disso, essa estratégia proporciona maior controle da equipe em relação às atualizações, manutenções programadas e incidentes.

Quanto às páginas privadas, elas favorecem a maior agilidade na resolução dos problemas, porque a equipe interna tem a opção de adicionar notas privadas e, assim, resolver os incidentes de forma rápida.

Quais dados para status page devem ser compartilhados?

Para que a página seja realmente eficiente, é importante que a sua empresa saiba quais dados para status page precisam ser divulgados.

Afinal, será que publicar métricas para os usuários é uma estratégia interessante para a sua empresa? Será que não prejudica a imagem do seu negócio?

De início, a ideia pode parecer um pouco assustadora mesmo, porque as pessoas vão poder ver os problemas, incluindo como a sua equipe está tentando solucioná-los. Então, isso não demonstra certa vulnerabilidade?

Não! Mostra que sua empresa se preocupa com a transparência das informações, o que é ótimo!

Teste Hosts Green gratuito

Na verdade, publicar os dados para status page pode parecer um pouco constrangedor, mas é importante lembrar por que você está fazendo isso: para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Sendo assim, os clientes vão identificar os problemas sem acionar a equipe de suporte, o que auxilia na agilidade da entrega das informações.

Além disso, eles não se sentem “no escuro”, ou seja, como se não estivessem ideia do que está ocorrendo, porque os acontecimentos são relatados no status page.

No entanto, quais dados para status page devem ser compartilhados? Veja abaixo.

Panorama geral sobre a saúde do serviço

Para que o status page realmente auxilie na relação entre cliente e empresa, é fundamental não bombardear os usuários com vários gráficos difíceis de serem entendidos e sem um quadro de referência correto.

Nesse sentido, antes mesmo de selecionar as métricas que deseja publicar, é necessário entender que elas devem ser fáceis de serem interpretadas, sem que necessite de um grande contexto, e relacionadas aos itens com os quais os usuários realmente se importam.

Então, para oferecer o panorama geral sobre a saúde do serviço, pergunte-se se a métrica tem relação direta com a experiência do usuário e se ela pode ser explicada de forma clara e simples.

Um exemplo de métricas importantes são aquelas que originam a base de alerta, porque são os sistemas que primeiramente impactam os usuários.

Estatísticas de tempo de atividade

Outro item que vale a pena ser colocado como dados para status page é a estatística de tempo de atividade, no qual o usuário pode verificar se os tempos de resposta estão lentos – e, caso estejam, pode descobrir se isso é um problema generalizado.

Nesse caso, também é possível expor uma linha do tempo para que os clientes consigam ter acesso aos mesmos dados que a equipe interna.

Definição e comunicação dos incidentes

Antes de publicar qualquer incidente no status page, primeiro é importante definir o que é incidente.

Existem empresas que estipulam quatro níveis de incidentes. Após fazer essa definição, é necessário estipular, por exemplo, o que é um incidente de nível 1 para que as pessoas saibam o que isso significa.

De qualquer forma, recomendamos que a empresa adote uma política de tolerância zero para incidentes relacionados à segurança e perda de dados.

Portanto, caso isso aconteça, é fundamental informar aos usuários, por meio do status page, imediatamente.

Você ainda pode oferecer a opção de os usuários se inscreverem para receber atualizações conforme o andamento da resolução, seja por e-mail ou SMS.

Listagem para cada parte do serviço da empresa

Se você quiser fornecer um nível ainda maior de transparência, então pode listar cada parte do serviço de forma separada.

Afinal, os sistemas modernos são formados por várias partes diferentes, por isso, com o objetivo de comunicar com ainda mais precisão o status da infraestrutura ou aplicativo ao cliente, fazer essa listagem pode ser uma ótima estratégia.

Manutenções programadas

Caso a equipe esteja programando alguma manutenção, é fundamental avisar isso aos clientes com bastante antecedência.

Aliás, além de exibir essa informação no status page, não deixe de enviar notificações como lembretes por SMS ou e-mail para quem escolheu receber mensagens por esses canais de comunicação.

Existem diferentes dados que podem ser publicados no status page, mas a seleção deles vai variar conforme os objetivos e necessidades tanto da empresa quanto dos usuários.

Portanto, saber quais dados para status page você precisa publicar é um item necessário para tornar a relação entre cliente e empresa mais transparente. Se você quiser contar com um monitoramento de hosts em tempo real, não deixe de testar o software do Hosts.Green de forma gratuita!

Monitore Grátis


Junte-se à conversa.