Você sofre com lentidão no acesso à Internet, ainda que tenha contratado um plano de conexão rápido? Então, talvez seja necessário fazer o teste de DNS.

Essa sigla significa Domain Name System, traduzindo para o português, Servidor de Nomes de Domínio, sendo fundamental para o funcionamento dos sites e o acesso deles por meio da Internet.

Desse modo, é importante que ele esteja funcionando perfeitamente para que você consiga navegar com tranquilidade.

Para saber se o seu servidor está operando da maneira correta, acompanhe o nosso artigo, pois vamos apresentar mais informações sobre o teste de DNS. Confira!

Qual é a importância do DNS?

Basicamente o DNS apresenta duas funções principais. Uma delas está ligada à relação entre um domínio, que é o endereço do site na Internet, e um endereço de IP, que é o número de identificação dos aparelhos conectador à Internet.

Nesse sentido, o servidor é responsável por transformar o domínio do site em sequência numérica representada pelo IP do site.

Dessa forma, é possível acessar uma plataforma mesmo sem saber o seu endereço de IP, o que facilita a navegação dos usuários.

Outro papel do DNS está relacionado ao seu funcionamento como um banco de dados, permitindo que diversos dados sejam armazenados. Vale lembrar que ele é limitado, então um único DNS não consegue guardar todos os endereços de IP e domínios.

Sendo assim, existem vários DNSs espalhados pelo planeta, permitindo o pleno funcionamento da Internet e funcionando ainda como um catálogo, fornecendo maior praticidade para a vida dos usuários, já que eles não precisam gravar o endereço de IP de todos os sites que desejam acessar.

Para conhecer um pouco melhor esse universo, confira algumas opções de DNS:

  • DNS recursivo: usado quando solicitações são enviadas recorrentemente, mas as respostas não são emitidas. Então, o DNS busca auxílio de outros servidores para a resolução da solicitação;
  • Root DNS Server: considerado o DNS mais alto da hierarquia, o Root DNS Server é acionado quando o DNS recursivo precisa de um direcionamento na busca por uma informação;
  • TDL Name Server: gerencia as informações de domínios com a extensão .com;
  • Name Server Autoritativo: apresenta as informações fundamentais do domínio em que serve.

Como fazer o teste do DNS?

Ainda que seja altamente necessário para quem trafega pela Internet, o DNS não está isento de falhas. Desse modo, é possível que você sofra com alguns problemas na conexão da rede ou perceba que o seu site não está apresentando um bom desempenho.

A boa notícia é que se tornou possível modificar a configuração do DNS para que o seu equipamento tenha o melhor servidor.

Para isso, primeiro é necessário fazer um teste de DNS e descobrir qual se adéqua melhor no seu caso.

Com o objetivo de trazer uma solução para esse problema, o Google desenvolveu um utilitário gratuito chamado namebench.

Por meio dele, é possível encontrar o servidor mais rápido para a sua conexão, pois a ferramenta testa vários deles e, ao final, seleciona aqueles que tiveram os melhores resultados.

Para fazer o teste de DNS, primeiro você precisa baixar a ferramenta de acordo com o seu sistema operacional utilizado.

Depois, precisa apertar no arquivo baixado e selecionar extract. Em seguida, marque as opções Include Global DNS Providers e Include Best Available Regional DNS Services.

Como os próprios nomes já dizem, a primeira alternativa realiza testes em servidores DNSs globais, enquanto a segunda faz o mesmo em DNSs regionais.

Além disso, marque a opção Fast na aba Health Check Performance. Caso a sua conexão seja bem lenta ou instável, selecione Slow. Depois, clique em Start Benchmark e os testes serão iniciados.

Vale lembrar que esse processo pode demorar um pouco, então tenha paciência. Uma das vantagens dessa ferramenta é que ela inclusive mostra a porcentagem de rapidez dos servidores testados em relação ao DNS utilizado atualmente.

Como configurar o DNS?

Quando o teste de DNS for finalizado, o namebench vai emitir os resultados numa página HTML. Então, o próximo passo é realizar uma nova configuração do seu computador ou smartphone de acordo com os endereços dos servidores de DNS que apareceram nas primeiras posições do ranking.

Para fazer isso no Windows, primeiramente é necessário ir para o Painel de Controle, selecionar Centro de Rede e Compartilhamento e depois em Alterar as Configurações do Adaptador.

Em seguida, clique com o botão direito do mouse no ícone da sua conexão e aperte em Propriedades. Depois disso, selecione Protocolo IP versão 4 e, novamente, clique em Propriedades.

Então, marque a opção Usar os seguintes endereços de servidor de DNS. Na primeira alternativa, que é o servidor DNS preferencial, insira o endereço primário que apareceu no teste de DNS.

Já no campo em branco abaixo, que é o servidor DNS alternativo, inclua o segundo melhor servidor. Por fim, aperta em OK e finalize o processo.

Saiba que essa configuração vai funcionar somente no seu computador. Portanto, se deseja que outros computadores da mesma rede Wi-Fi obtenham essa melhoria, basta repassar essas informações no seu roteador Wi-Fi. Para isso, é necessário consultar o manual de instruções do seu roteador.

Caso você note que a conexão tanto na Internet de modo geral como no seu site obteve significativa melhora, isso significa que os servidores de DNSs utilizados antes estavam, de fato, prejudicando a conexão.

Lembre-se que realizar o teste de DNS é fundamental, ainda mais se você tiver uma plataforma on-line da sua empresa (site, blog ou e-commerce, por exemplo).

Afinal, ter o melhor DNS possível favorece a experiência do usuário, já que o site apresenta um desempenho mais satisfatório.

Isso ajuda a promover uma maior satisfação do consumidor, bem como aumentar a cartela de clientes, permitindo que a empresa seja mais reconhecida e aumente as vendas.

Logo, para quem lida diariamente com Internet e necessita dela para trabalhar, é fundamental investir na melhoria da conexão.

Caso você ainda não tenha feito o teste e esteja sofrendo com instabilidade na rede, não perca tempo e baixe logo a ferramenta gratuita do Google, de forma eficaz e segura, para descobrir o servidor mais indicado para você.

Falando em teste de DNS, saiba que é importante também ter conhecimento sobre os principais problemas que podem acontecer no servidor. Entenda melhor sobre isso neste artigo!

Monitore Grátis