As métricas de marketing são estratégias fundamentais para acompanhar o desenvolvimento de um domínio na internet. Essas ferramentas têm por objetivo principal mostrar a funcionalidade do site/blog, através de resultados de mensuração de desempenho em tempo real.

Em um cenário de alta competitividade, mensurar resultados a fim de trazer para o público em potencial, conteúdos de relevância que se destaquem no mercado, pode ser a chave para o sucesso do seu negócio.

Existem diversas métricas que podem ajudar na hora de entender os níveis de desenvolvimento do seu domínio, tendo em vista o que deve ser melhorado para atrair um maior número de internautas e deixar o seu conteúdo cada vez mais atrativo para o público.

Métricas de atração

Temos que ter em mente que a primeira parte do trabalho do marketing é atrair o público. Além de acompanhar o número de pessoas que chegam até os domínios da web, é fundamental entender como pode-se usar as informações encontradas ao seu favor para otimizar a atração de novos visitantes.

Aqui, estão umas das principais métricas de atração para aperfeiçoar o seu site/blog:

Número total de visitas

Quando utilizado lado a lado com outras métricas, a análise do número total de visitas de um determinado domínio pode ser uma ferramenta crucial para ajudar na atração do público.

Por exemplo: O número total do seu site está com um bom ranqueamento, porém, você não está atingindo bons resultados nas vendas do seu produto, no caso, uma bisnaga de clareamento.

Se você têm, além do número total de visitas, os números de acessos recorrentes, ou seja, aqueles que entraram no seu domínio e resolveram voltar depois, pode-se ter uma base de quantas pessoas têm acessado o site/blog ultimamente em relação a tempos anteriores e assim, ter uma noção do número de acessos.

Caso os acessos recorrentes sejam baixos, de nada adianta a quantidade total do número de visitas. Tendo isso em mente, você pode buscar maneiras de aperfeiçoar o seu site/blog e deixá-lo mais atrativo para os internautas em potencial.

É importante ressaltar que para medir o número total de visitas basta utilizar uma ferramenta de análise. Ela proporcionará esse recurso entre suas funcionalidades principais, de modo que você só precisará acompanhar os relatórios para mensurar os resultados.

Número de visitantes recorrentes

Assim como citado acima, este número já é mais específico, pois analisa somente aqueles que entraram no site e retornaram depois.

Deve-se ter em mente que quanto mais visitas recorrentes, melhor para você e para o seu domínio. Isso é um sinal de que os internautas estão gostando do conteúdo desde o primeiro acesso.

Além disso, é possível observar quais são as principais ações dos visitantes recorrentes, assim, você poderá identificar o que mais interessa ao público. Por exemplo:

Se a maioria dos acessos de um site de odontologia estiver direcionada aos artigos voltados para os benefícios e vendas do aparelho para bruxismo e aparelho invisível, significa que a abordagem de venda para esses produtos está funcionando.

É importante observar a proporção dos visitantes recorrentes para analisar se os conteúdos produzidos estão surtindo efeito positivo. Se o número for aumentando gradativamente, significa que você está indo pelo caminho certo.

Agora, caso contrário, é preciso reavaliar o material de maneira que os resultados sejam otimizados e voltem a ser atrativos ao público.

Fontes de tráfego

Essa métrica é fundamental para o desenvolvimento de um planejamento de marketing. Ela mostra de onde os visitantes vêm quando acessam uma determinada página.

Ferramentas como o Google Analytics são formas de analisar as fontes de tráfego em detalhes. Assim, é possível saber de qual domínio os internautas vieram.

Com isso, é possível analisar se os seus perfis das redes sociais, SEO ou links de guest post, são os responsáveis pelos acessos ao seu site/blog. Caso esses canais de atração não estejam induzindo o tráfego necessário, é possível ajustar cada um deles para trazer melhores resultados.

Tráfego em dispositivos móveis

O número de pessoas que acessa determinado conteúdo através de dispositivos mobile é um fator de grande importância para o desenvolvimento de um domínio.

Atualmente, os visitantes tendem a utilizar aparelhos móveis para fazerem buscas pela web. Este fator é essencial para que os sites tenham designs responsivos e qualificados para versão mobile. Os domínios que estão enquadrados nesse padrão, certamente terão mais visitas.

Compartilhamentos

Essa é uma métrica valiosa quando o assunto é consumo. Pense desta forma: Quanto mais pessoas compartilham determinado conteúdo, maior a chance de que outras pessoas o acessem e se sintam interessadas pelo assunto em questão.

Por exemplo: Uma pessoa compartilha em suas redes sociais uma matéria do seu domínio sobre os benefícios de um tipo específico de implante dentário.

Isso promove a interação com outros potenciais visitantes. Caso alguém se sinta atraído pelo conteúdo, com certeza irá se direcionar a página do seu site/blog para ler mais sobre o assunto. Por isso, títulos impactantes são ferramentas fundamentais para atrair um número maior de pessoas.

Métricas de conversão

Quanto maior o número de pessoas atraídas, maior a chance de converter visitantes em leads e futuramente, clientes. Não adianta ter um número alto de visitantes se os mecanismos de conversão não forem eficientes.

Veja algumas métricas de conversão fundamentais para alavancar o seu negócio:

Bounce rate

Também conhecido como taxa de rejeição, a ferramenta refere-se o número de pessoas que saíram do seu site na mesma página que entraram, ou seja, sem visitar outras páginas ou mostrar interesse por outros materiais. Assim, bounce rate pode indicar as principais fraquezas do seu domínio.

Como todas as páginas têm uma taxa de rejeição individual, fica mais fácil perceber quais são as que precisam de melhorias para assim, atingir as expectativas do público.

Uma forma de incentivar o usuário a continuar explorando determinado domínio é utilizar um CTA (call to action) em algum ponto estratégico da página, por exemplo. Ou seja, utilizar links ou funções da página que incentivem os usuários a realizarem alguma ação.

Total de conversões

As conversões são o primeiro objetivo das campanhas de marketing, por isso, essa métrica é uma das mais importantes de se acompanhar. Pode ser considerado uma conversão os passos que o visitante dá rumo a se tornar cliente.

Quando se têm um baixo número de conversões é necessário encontrar os problemas que estão afastando os internautas.

Uma boa dica é utilizar o Google Analytics. A ferramenta permite definir metas específicas e acompanhar o alcance. Assim, é possível selecionar cada um dos pontos de conversão do seu site e observá-los de forma separada.

Taxa de conversão do funil

O funil é uma ótima maneira de gerenciar as estratégias de marketing, conduzindo os clientes de forma simples e eficiente. Além de avaliar o número total de conversões, se concentrar em cada parte do funil é muito importante.

Fazendo isso é possível notar, por exemplo, que a maior parte dos problemas estão concentrados em uma etapa específica do funil, enquanto as outras mostram um bom desempenho. Assim, você pode focar naquela que está deixando a desejar.

Este diagnóstico preciso torna a busca pela solução de um problema muito mais fácil, auxiliando na melhoria de resultados.

É possível fazer este acompanhamento através de um registro de quantos visitantes passam de uma etapa para outra do funil.

Taxa de cliques

Também conhecida como Click-through rate ou CTR, é uma forma de medir o sucesso das campanhas de e-mail marketing e anúncios pagos.

No caso do e-mail marketing, a ferramenta mostra qual o comparativo de pessoas que clicaram no conteúdo do e-mail em relação àquelas que o abriram. Vejamos assim: se 100 pessoas abriram o e-mail, e 50 delas clicaram no link com o conteúdo, a sua taxa de cliques é de 50%.

No caso dos anúncios pagos, quanto maior for o CTR, menor é o custo por clique, o que pode significar mais visitantes por um menor preço.

Métricas de receita

Ao contrário do que muitos pensam, o acompanhamento não termina quando os leads se tornam clientes. É fundamental continuar observando as métricas para saber se os investimentos realmente estão valendo a pena:

CAC- Custo de aquisição por cliente: Este recurso serve para mostrar quanto você gasta para conseguir um novo consumidor. É a partir do CAC que você consegue medir os esforços de investimentos em relação aos resultados e assim, ver se o lucro final é aceitável em relação ao dinheiro gasto com investimentos para atrair clientes.

LTV - Lifetime value: Essa ferramenta prevê, em média, quanto dinheiro você deve esperar ganhar com cada cliente de acordo com o tempo que ele compra com você. É essencial para saber se o seu investimento está sendo alto demais ou não.

MRR - Receita mensal recorrente: Ferramenta utilizada principalmente para empresas que operam com modelos de assinaturas, isso porque, essas empresas precisam ficar atentas à quantidade que entra mensalmente em caixa para assim, realizar um planejamento financeiro mantendo a relevância no mercado.

ROI - Retorno sobre investimento: Este, é responsável por declarar se os esforços de marketing estão realmente gerando lucros para a empresa, se tornando uma métrica indispensável.

NPS - Net promoter score: A métrica mede o grau de satisfação e o potencial de marketing de clientes atuais. Quando maior o NPS, maior a relevância gerada em favor a seu site e assim, as chances de sucesso aumentam.

Essa métrica em particular também ajuda a descobrir se a empresa como um todo está entregando resultados positivos.

Agir com os dados coletados de acordo com as métricas de marketing individuais e conjuntas, valida os seus esforços com precisão, fazendo com que você e seu site/blog conquistem resultados cada vez mais positivos!

Monitore Grátis