As primeiras impressões contam. E, quando se trata do seu website, seus URLs costumam ser a primeira coisa que o Google e os clientes verão. Você sabe o que é URL?

Neste post, começaremos explicando o que é URL, e, em seguida, detalharemos as três partes mais importantes da estrutura de um URL.

Ficou interessado? Então continue a leitura!

O que é URL?

Abreviação de Uniform Resource Locator,  um URL é a localização de um site, página ou arquivo específico na Internet.

Por exemplo, se você entrar digitar https://blog.hosts.green/o-que-e-url/ no seu navegador, você será direcionado a página dessa postagem. Mas, se você entrar em https://blog.hosts.green, você será levado à página principal do nosso blog. E se digitar apenas https://hosts.green/ será direcionado à homepage do nosso site.

A maioria das pessoas não reflete sobre a importância das URLs, elas só memorizam as que levam aos seus sites favoritos.

Se você administrar seu próprio site ou estiver planejando criar um, no entanto, é uma boa ideia entender um pouco mais sobre como os URLs funcionam.

O URL também são os blocos de construção de uma hierarquia eficaz de sites, passando a equidade por meio de seu domínio e direcionando os usuários para os destinos desejados.

Cada URL é composto de várias partes, e a forma como o seu é construído terá uma variedade de efeitos na segurança do seu site e no Otimização do Mecanismo de Busca (SEO).

Sendo assim, vamos ver mais de perto o que está envolvido em um URL básico de website.

Entendendo as três parte de um URL

Nas próximas seções, veremos as três partes mais importantes de um URL para usuários comuns.

1. O protocolo

Considere o seguinte URL:

https://hosts.green/planos

A parte mais fácil deste endereço a ser ignorado é a primeira parte. Você provavelmente está tão acostumado a ver http: // e https: // no início de cada URL que você não pensa duas vezes.

No entanto, esse elemento — o protocolo da URL — é mais importante do que você imagina.

O protocolo informa ao seu navegador como se comunicar com o servidor de um site, a fim de enviar e recuperar informações.

Em outras palavras, é o que permite que um URL funcione em primeiro lugar. Tradicionalmente, a maioria dos sites usa o HTTP (Hypertext Transfer Protocol) e você ainda verá essa versão na web.

No entanto, houve um movimento recente em direção à adoção generalizada do Hypertext Transfer Protocol Secure (HTTPS).

Embora esse protocolo faça essencialmente a mesma coisa que HTTP, é uma opção muito mais segura, pois criptografa os dados enviados de um lado para o outro entre o navegador e o servidor. É por isso que a maioria dos navegadores fornece um cadeado de segurança verde quando o protocolo é HTTPS. Veja:

Entenda melhor o HTTPS e porque ele é o mais indicado para o seu site ou blog clicando aqui.

201917Jun_Hosts.green_ctablog

2. Domínio do site

Vamos voltar para o URL completo por um momento:

https://hosts.green/planos

A próxima parte é o elemento mais identificável de um endereço da web — o domínio do site. Neste caso, é hosts.green (nosso site!).

Um domínio é um identificador de um site específico, que geralmente leva você diretamente para a página inicial, caso nada seja adicionado ao final.

Naturalmente, um nome de domínio é composto de duas partes menores. Há o nome do site em questão e, em seguida, a TDL, que pode ser .com, .org, .net (ou, nesse caso, .green).

Quando você está configurando um novo site, vale a pena gastar algum tempo analisando cuidadosamente o nome de domínio que você usará. Deve ser único e chamativo, mas ao mesmo tempo claro e fácil de lembrar.

Sua escolha de TLD também é importante. Para muitos sites, manter a .com é a melhor opção. São os usuários da Internet com TLD mais familiarizados e geralmente esperados, o que significa que será mais fácil para eles se lembrarem.

No entanto, você também pode se beneficiar da escolha de um TLD que seja mais adequado para o seu nicho ou campo.

Na verdade, existem centenas de opções de TLDs (muitas das quais são específicas da região ou do setor), portanto, há muitas opções se você quiser se aventurar além de um simples .com.

3. O caminho

Se você quiser apenas visitar a página principal do nosso site, tudo o que você precisa é o protocolo e o domínio do site: https://hosts.green/.

Mas cada página ou arquivo individual em um site também tem seu próprio URL. Mais uma vez, aqui está o que parece:

https://hosts.green/planos

A parte depois do TLD é conhecida como o "caminho". Isso porque direciona o navegador para uma página específica no site.

Neste caso, ele está levando o usuário a nossa página de planos. As escolhas que você fizer aqui terão um impacto na clareza de como o conteúdo é exibido para os visitantes em potencial e no SEO geral do site.

Conclusão

Como a maioria dos elementos do seu site, seus URLs são mais complexos do que parecem à primeira vista.

Por causa disso, familiarizar-se com os conceitos básicos da estrutura de URL é uma jogada inteligente. Só então você saberá como fazer as melhores escolhas possíveis para o seu site.

O que é um URL? Para recapitular, estes são os três elementos básicos:

  1. O protocolo — HTTP ou HTTPS.
  2. O domínio do site (incluindo o TLD) que identifica um site.
  3. O caminho que leva a uma página da Web específica.

Agora que você já sabe o que é URL e entenda como as partes do URL se relacionam, separamos alguns artigos que você pode se interessar. Veja:

Boa leitura!

201917Jun_Hosts.green_ctablog_v2